teste

Graduações
a Distância
Informática
na Educação
Cursos
a Distância
Capítulos e
livros publicados
Artigos
Publicados
Legislação
em EAD
Referenciais de
Qualidade em EAD
Currículo
Lattes

20 de setembro de 2013

O visitante

The Visitor (O Visitante) é um filme americano de 2007 escrito e dirigido por Thomas McCarthy e estrelado por Richard Jenkins. O filme trata da vida de um professor universitário, viúvo e solitário já na meia idade cuja vida muda quando se depara com questões como identidade, imigração e relações multiculturais em um mundo pós 11 de setembro.


Sinopse: Walter Vale é um viúvo solitário que dá aula de economia na Connecticut College. Ele preenche seu tempo com aulas de piano para tentar imitar sua esposa, uma pianista clássica, e frequentemente trabalha em um livro. Quando ele é mandado para Nova Iorque para apresentar um trabalho em uma conferência acadêmica na Universidade de Nova Iorque, ele não fica entusiasmado.

Ao chegar em seu apartamento em Manhattan, ele descobre um casal vivendo lá. Eles são Tarek, um sírio-palestino tocador de djembê, e Zainab, uma senegalesa designer de joias. Mais tarde descobre que ambos são ilegais no país. Embora não tenham para onde ir, eles juntam suas coisas e vão embora, porém Walter os segue e os convence a voltar. Nos dias que se seguem, uma amizade se desenvolve. Tarek ensina Walter a tocar o tambor, e os dois se juntam a um grupo de homens em uma roda de tambor no Central Park.

Na volta para casa, Tarek é injustamente acusado de pular a catraca do metrô, sendo preso por não pagar seu bilhete, indo parar em um centro de detenção para imigrantes no Queens. Para tentar impedir a deportação, Walter contrata um advogado. Sentindo-se incomodada por ficar no apartamento sozinha com Walter, Zainab muda-se para viver com familiares no The Bronx.

A mãe de Tarek, Mouna, inesperadamente chega em Nova Iorque vinda de Michigan quando ela não consegue contatá-lo. Também ilegalmente nos EUA, ela aceita a oferta de Walter para ficar no apartamento, e os dois desenvolvem uma amizade. Walter confessa que sua vida é tediosa; ele não gosta do curso que ensina há vinte anos, e o livro que ele diz estar escrevendo não está nem um pouco perto de ser completado. Mouna revela que seu falecido marido jornalista foi preso por escrever um artigo contra o governo na Síria, e que ela está preocupada com o futuro de seu filho caso Tarek seja deportado. Os dois começam a compartilhar uma simples vida doméstica, com Mouna fazendo comida para Walter, e ele levando-a para ver O Fantasma da Ópera na Broadway.

Sem aviso, Tarek é deportado e Mouna decide voltar a Síria para ficar com ele. Na última noite, Mouna se culpa por tudo que aconteceu de errado. Walter a leva para o aeroporto no dia seguinte. Sozinho mais uma vez, Walter toca tambor na plataforma da estação de metrô, como Tarek disse que ele gostaria de ter feito.